Make your own free website on Tripod.com
IX Copa do Mundo da FIFA - 1970
Curiosidades da Copa do Mundo de 1970
Home

Fontes:

  • O maior público que já assistiu um jogo de futebol no mundo foi registrado nas eliminatórias da Copa do Mundo da FIFA de 1970, no jogo Brasil 1x0 Paraguai. 183.341 pagantes estiveram no Maracanã para ver essa partida.
  • Quatro lances marcaram a Copa do Mundo de 1970, os chamados "não gols" de Pelé. Foram lances brilhantes que por ironia do destino não resultaram em gol. O primeiro aconteceu contra a Tchecoslováquia: Pelé percebe que o goleiro tchecoslovaco Ivo Viktor estava adiantado, e dá um chute a 40 metros de distância. Viktor, desesperado, corre para defender, mas, para seu alívio, a bola sai a centímetros do gol. O segundo foi contra a Inglaterra: Após receber um cruzamento de Jairzinho, Pelé dá uma forte cabeçada, mas Gordon Banks defende de forma espetacular, tirando a bola de dentro do gol. A defesa de Banks é considerada a "defesa do século XX". O terceiro e o quarto foram contra o Uruguai: Pelé avança em direção à área do Uruguai. O Rei dribla Mazurkiewicz, que tenta voltar ao gol, mas desiste. Pelé chuta, o zagueiro Ancheta tenta tirar a bola, mas não consegue. A bola vai para fora, e Pelé lamenta o gol perdido e logo depois Mazurkiewicz cobra mal um tiro de meta. Pelé rebate de fora da área com um chute forte, mas o goleiro uruguaio se recupera e segura a bola.
  • Pelé e Uwe Seeler se tornam os únicos jogadores a marcar gols em quatro Copas do Mundo. Um recorde mantido até hoje.
  • Os árbitros ganharam no México, em 1970, um instrumento de advertência até então inédito: os cartões amarelo e vermelho. Evitando assim episódios como o do argentino Rattín no jogo entre Inglaterra e Argentina pelas Quartas de Final de 1966.
  • Foi nessa Copa que aconteceu a primeira substituição da história. No empate por 0 a 0 entre União Soviética e México, o soviético Anatoliy Pusatch entrou no lugar de Viktor Serebrianikov.
  • As inscrições para participarem das eliminatórias para a Copa de 1970, de Cuba, Albânia, Guiné e Zaire, foram feitas fora de prazo junto à FIFA, e eles não puderam assim participar da Copa do México.
  • Zagallo, que assumiu o comando da Seleção Brasileira semanas antes do Mundial, se tornou em 1970 o primeiro homem da história à vencer a Copa do Mundo como jogador e treinador.
  • Foi a primeira Copa com substituições durante as partidas e com transmissão de TV em cores para o mundo todo.
  • Nas Eliminatórias, a Seleção foi treinada por João Saldanha, que chamou aquele grupo de jogadores de “feras”. A partida decisiva foi contra o Paraguai no Maracanã e teve o maior público pagante da história do futebol: 183.341.
  • Depois de fazer um gol contra o Brasil, o tchecoslovaco Petras comemorou ajoelhando-se e fazendo o sinal da cruz. O gesto, transmitido para TVs do mundo todo, chocou, uma vez que a Tchecoslováquia era um país comunista e, por isso, oficialmente ateu.
  • A empolgação da torcida mexicana com a Copa em seu país era tão grande que até o árbitro local, Diego Di Leo, era aplaudido quando entrava em campo.
  • Com medo de contaminação, a delegação inglesa levou ao México todos os alimentos que consumiriam durante o Mundial. A notícia se espalhou, o que irritou os mexicanos. Durante toda a Copa os ingleses tiveram de conviver com a hostilidade da torcida local.
  • A Itália quebrou um incrível tabu: desde 1938 a Azzurra não passava da primeira fase.
  • Marrocos foi a primeira seleção africana a marcar ponto em Copa.
  • Brasil 4 x 1 Itália foi a primeira final desde 1938 que não tinha virada no placar.
  • A Taça Jules Rimet foi conquistada em definitivo pela seleção em 1970. Sendo roubada 13 anos depois no Rio de Janeiro. Apenas Uruguai e Itália também tinham chance de levá-la em definitivo.
  • O regulamento da Copa de 1970 não previa disputa de pênaltis ou jogo extra em caso de empate na prorrogação. Se isso acontece um sorteio definiria o vencedor.
  • Evgeny Lovchev da União Soviética foi o primeiro jogador a receber um cartão amarelo em Copas do Mundo. Foi no empate em 0 a 0 contra o México.
  • O primeiro reserva a marcar um gol em Copas do Mundo foi Juan Besaguren do México na goleada contra El Salvador por 4 a 0.
  • Na Copa do México em 1970 foi usada pela primeira vez a bola de 32 gomos. Até ali a bola tinha 16.
  • Duas horas antes da grande final da Copa, o presidente Emílio Médici do Brasil numa entrevista disse que o Brasil venceria a Itália por 4 a 1. Acertou na mosca!
  • O momento em que Carlos Alberto Torres levantou a Taça Jules Rimet foi vista por 700 milhões de pessoas no mundo todo. Marca igual à da imagem de Neil Armstrong pisando na Lua um ano antes.
  • Às 19h do dia 3 de Julho de 1970, foi registrado o recorde de audiência em um evento esportivo no Brasil. Absolutamente todos os canais transmitiam a mesma imagem do jogo entre Brasil e Tchecoslováquia. Ou seja, hoje seria equivalente a 100 pontos no Ibope.

Leia aqui sobre o roubo da Taça Jules Rimet.

volta à página inicial