Make your own free website on Tripod.com
IX Copa do Mundo da FIFA - 1970
Gérson
Home

gersonidolo.jpg

 
Gérson de Oliveira Nunes (Niterói, 11 de janeiro de 1941) foi um jogador brasileiro de futebol que atuava no meio-de-campo, tido como um dos maiores lançadores da história do futebol brasileiro.

Chamado de "Canhotinha de Ouro", foi campeão do mundo em 1970. Era capaz de fazer lançamentos de mais de quarenta metros de distância, colocando com precisão a bola onde quisesse. Jogou em diversos clubes brasileiros de futebol, tendo passagem destacada no Flamengo, no Botafogo, no São Paulo e no Fluminense, tendo sido por este clube campeão carioca em 1973 e encerrado a carreira neste clube de seu coração.

Gérson também ficou famoso nos anos setenta por protagonizar uma campanha publicitária de cigarros, na qual dizia "Gosto de levar vantagem em tudo". Essa frase resumia a suposta malandragem brasileira, símbolo do jeitinho e da corrupção, ficando popularmente conhecida como lei de Gérson. Após a associação maliciosa e indevida, ele já se lamentou publicamente de ter seu nome ligado a esses defeitos do país, que não combina com o seu jeito de ser e nem com as suas idéias.

Quando jogava Gérson tinha o apelido de "Papagaio" entre seus companheiros atletas, pois sempre gostou de falar muito sobre futebol. Depois de encerrar tornou-se comentarista de futebol da Rádio Globo (RJ), participou do programa Mesa Redonda Rio da Rede CNT, atualmente está no programa Jogo Aberto Rio na Band Rio. Coordena uma escola de futebol, participando de diversos projetos esportivos em Niterói, sua cidade natal, onde morou quase toda a sua vida.

volta à página inicial